SJ News - шаблон joomla Авто

 pontotransp

faixa jubileu grande2

A catequese do Papa Francisco, nesta quarta-feira, 20, foi dedicada à unidade entre os cristãos, tendo em vista que, na Itália e em alguns outros países, celebra-se a Semana de Oração pela Unidade dos Cristãos desde segunda-feira, 18. Sem se distanciar do ciclo de catequeses sobre misericórdia, Francisco enfatizou que transmitir a misericórdia de Deus aos outros é uma missão comum aos cristãos.

O Santo Padre explicou que, nesta Semana, os cristãos são convidados a redescobrir a graça do batismo, um dos pontos de unidade, e ir além das divisões. Segundo ele, partilhar o batismo significa reconhecer que todos são pecadores e precisam de salvação. O batismo chama os cristãos ao encontro com o Deus vivo, cheio de misericórdia, acrescentou.

Francisco reconheceu que todos acabam fazendo a experiência do egoísmo que leva à divisão, mas partir novamente do batismo significa reencontrar a fonte da misericórdia, que é fonte de esperança para todos, pois ninguém está excluído da misericórdia de Deus.

“A partilha dessa graça – do batismo – cria uma ligação indissolúvel entre nós cristãos, de forma que no batismo podemos nos considerar todos irmãos, somos povo santo de Deus mesmo que, por causa de nossos pecados, não sejamos um povo plenamente unido”.

Para os cristãos, acrescentou o Santo Padre, anunciar a força do Evangelho e partilhar as obras de misericórdia, corporais e espirituais, é uma experiência concreta de fraternidade. “Temos uma missão em comum que é aquela de transmitir a misericórdia recebida aos outros, partindo dos mais pobres e abandonados”. Francisco concluiu a audiência pública com os fiéis pedindo que, nesta Semana de Oração, eles rezem para que todos os discípulos de Cristo encontrem, juntos, um modo de levar a misericórdia do Pai a todos os cantos da terra.

Confira a catequese na integra: clique aqui

 

Por Canção Nova

Liturgia

Formacao liturgica2     Meditacao dominical