SJ News - шаблон joomla Авто

 pontotransp

faixa jubileu grande2


Celebração da Crisma

15. A celebração da Crisma seja realizada na igreja matriz ou na comunidade local.

16. A recepção do sacramento da Crisma aconteça  numa celebração eucarística solene da comunidade, bem preparada com a ajuda da pastoral litúrgica.

17. A celebração da Crisma ou Confirmação não encerra a formação doutrinal e a vivência cristã. Os crismados sejam incentivados a se engajarem em grupos de jovens, pastorais, movimentos ou outras formas de participação paroquial.

18. Nos casos específicos, facilitar a transferência da Crisma para outra paróquia.

19. Quando o número de crismandos for elevado (acima dos 100), é conveniente dividir em grupos menores para uma celebração mais participada.

20. Para a celebração do sacramento use-se o subsídio elaborado pela Diocese segundo o Ritual oficial para facilitar a preparação da celebração e a participação dos crismandos e padrinhos.

21. Os crismandos usem trajes simples e modestos para evitar a desigualdade e distração dos participantes. Recomenda-se uma camisa branca ou camiseta estampada com símbolos do sacramento. Igualmente, os padrinhos e madrinhas usem  trajes modestos e dignos de uma celebração sagrada.

22. Facilite-ser a recepção da Crisma aos portadores de deficiências mentais ou físicas, inserindo-os no grupo de outros jovens. Conforme o caso, podem participar da preparação normal com outros candidatos ou recebam uma preparação suficiente de outro modo.

23. É costume solicitar aos crismandos (pais ou padrinhos) uma moderada colaboração, cujo valor será especificado pela Diocese. Cuide-se para que tal solicitação não afaste as pessoas do sacramento e considere-se atentamente os casos das famílias carentes.

24. Para preservar a dignidade da celebração é conveniente que o grupo dos crismandos contrate um ou dois fotógrafos profissionais. A Diocese promova a formação dos fotógrafos sobre o caráter religioso da celebração e elabore um subsídio com normas para o exercício da profissão no recinto sagrado. Evite-se fotógrafos casuais que podem criar desordem e distrair os crismandos.

Liturgia

Formacao liturgica2     Meditacao dominical