A Diocese de Anápolis realizou no domingo, 11, o Jubileu dos Ministros Extraordinários da Comunhão Eucarística (M.E.C.E.), na Comunidade de Vida Naiot, em Campo Limpo de Goiás. Com o tema “Identidade e Missão” o evento contou com a presença de vários padres da Diocese, do bispo diocesano, Dom João Wilk, e a participação de mais de 1500 ministros.

Durante todo o dia o evento teve um programação diversificada com momentos de animação, palestras, adoração e benção do Santíssimo, encenações teatrais, testemunhos, tudo em um clima festivo. O ponto alto da comemoração do jubileu foi a celebração da Santa Missa, às 16h, presidida por Dom João Wilk. Na celebração o bispo afirmou que “nós presenciamos uma das maiores crises da história, crise política, econômica, moral, crise das instituições, e os escândalos de corrupção nos escandalizam”, afirmou. Disse ainda que se todos os que praticaram corrupção devolvessem o que roubaram a saúde pública, a educação e a segurança, estariam bem desenvolvidas no país.

Ao falar da criação dom mundo Dom João ressaltou que “no último dia Deus criou Adão e Eva, o que nos faz pensar que o homem e a mulher seja a mais alta, mais perfeita obra da criação”. “Mas na verdade a mais alta, mais perfeita obra da criação de Deus é aquilo para quê Deus criou o homem e a mulher, criou-os para ser família”, pontuou o Bispo. Para ele “o mais importante e mais bonito reflexo da Santíssima Trindade é exatamente a família. Aqueles que lutam contra Deus, lutam exatamente contra a família, porque destruindo a família, destroem as bases dos filhos com Deus”, assegurou dom João.

O Jubileu dos teve o encerramento no fim da tarde do domingo com a benção de envio. 

 

View the embedded image gallery online at:
http://diocesedeanapolis.org.br/index.php/20-extensions/1390-celebracao-do-jubileu-dos-ministros-extraordinarios-da-comunhao-eucaristica?tmpl=component&print=1&layout=default&page=#sigFreeId963b456559